Entrevistando

Como fazer uma ótima entrevista virtual

A COVID-19 ainda está nos noticiários, já que o vírus continua fazendo com que pessoas do mundo inteiro fiquem em casa. Há, de forma geral, diversas orientações para diminuir a propagação do coronavírus, que incluem trabalhar em casa sempre que possível e evitar contato social em grupos de dez ou mais pessoas. Como muitas empresas ainda precisam tomar decisões de recrutamento neste período, entrevistas por telefone e vídeo estão se tornando a solução mais comum. Neste artigo, você encontrará as melhores maneiras de ter sucesso em sua próxima entrevista virtual.

O que é uma entrevista virtual?

Entrevista virtuais são aquelas feitas de forma remota, às vezes pelo telefone, mas com frequência usando uma tecnologia como videoconferência e outras plataformas de comunicação on-line. Nesta época em que os organismos de saúde e o governo federal recomendam às pessoas o distanciamento social, passou a ser essencial que os funcionários de recursos humanos e os candidatos aprendam a fazer uma entrevista virtual da melhor maneira possível. Esse tipo de entrevista costuma seguir o mesmo padrão de entrevistas presenciais. Ainda assim, a comunicação virtual exige uma atenção especial e adaptações por conta das limitações em termos de linguagem corporal e expressões faciais.

Candidate-se facilmente com um Currículo Indeed

Como melhorar a entrevista virtual para reduzir o impacto da COVID-19

Se você estiver em busca de emprego, é provável que as entrevistas sejam feitas de forma virtual. Veja o que pode fazer para ter sucesso:

  1. Teste as ferramentas tecnológicas com antecedência.
  2. Vista-se de maneira profissional.
  3. Prepare-se para a entrevista.
  4. Limite as distrações.
  5. Use a linguagem corporal de modo profissional.
  6. Estabeleça uma relação de confiança.
  7. Mantenha a autenticidade.
  8. Acompanhe o processo.

1. Teste as ferramentas tecnológicas com antecedência

Para fazer uma entrevista virtual, é preciso ter ferramentas como uma câmera e um microfone no computador, um software (como Google Hangouts ou Zoom) e conexão sólida à internet. Pelo menos um dia antes da entrevista virtual, teste essas ferramentas para garantir o funcionamento e comunicação adequados. Isso inclui ter um computador que funcione e atenda às especificações técnicas, baixar o software necessário e confirmar se a conexão é forte o bastante para manter o streaming de vídeo.

De dez a 15 minutos antes da entrevista, verifique a conexão à internet e acesse a plataforma de reunião por vídeo ou telefone indicada pelo representante de RH ou pelo gerente de recrutamento. Ative o som e o vídeo para confirmar se tudo está funcionando e preparado para a conversa.

2. Vista-se de maneira profissional

Para uma entrevista virtual, vista-se como se fosse para uma entrevista presencial. Além de transmitir seu profissionalismo e entusiasmo pela oportunidade, você também se sentirá mais competente e confiante. Mesmo que a entrevista seja feita em um local remoto, como a sua casa, tenha em mente que ela poderá ser tão formal quanto aquela feita em um escritório. Caso não tenha certeza do que vestir, uma roupa de trabalho casual é um bom padrão a ser seguido. Um ótimo exemplo de traje para homens e mulheres é uma camisa social, um blazer e calças mais formais.

3. Prepare-se para a entrevista

Como em qualquer entrevista, você terá resultados melhores se preparando com antecedência. O fato de estar na frente de um computador não quer dizer que você conseguirá fazer pesquisas rápidas por respostas ou ler um texto pré-escrito para a conversa. Você deve se preparar para que consiga conversar de maneira natural, sem clicar em links ou ler um roteiro, o que poderia parecer ensaiado e pouco natural.

Algumas vezes, as empresas enviam com antecedência uma lista de perguntas que gostariam que fossem respondidas, o que pode ajudar durante sua pesquisa. Na maioria das vezes, você responderá questões sem ter conhecimento prévio das perguntas. Se este for o caso, prepare-se como se fosse para uma entrevista presencial. Planeje respostas para perguntas comuns em entrevistas, pesquise sobre a empresa, analise a descrição da vaga e prepare exemplos relevantes de suas conquistas e experiências.

4. Limite as distrações

Para fazer uma entrevista em casa, o melhor é encontrar um local silencioso e com poucas distrações. Escolha um cômodo limpo e com aparência profissional, para que o entrevistador possa se concentrar em você, e não no que estiver ao redor. Caso não tenha um escritório em casa, também é possível usar um quarto ou cômodo para hóspedes, a mesa da cozinha ou até mesmo uma parte vazia do closet. Tente colocar o computador em uma mesa, em vez de colocá-lo no colo ou no sofá.

Avise as pessoas com quem você mora sobre o local silencioso que usará e o horário da entrevista, além de dizer que você estará indisponível nesse período. Explique de forma respeitosa que nessa situação é importante manter o silêncio na casa e reduzir as distrações. Se possível, deixe os animais de estimação em um local específico durante esses momentos importantes de trabalho.

5. Use a linguagem corporal de modo profissional

Como a entrevista por vídeo ou telefone limita o uso da linguagem corporal para comunicação, é importante usá-la de maneira clara e profissional. Em caso de alguma pergunta inesperada, por exemplo, mantenha a calma e pare um pouco para pensar na resposta.

Sente-se com uma postura adequada e posicione a câmera para que seu rosto fique no centro da tela (sem muito espaço acima ou abaixo da cabeça). Na maioria das entrevistas, é comum dar um aperto de mão para cumprimentar o entrevistador no início e no fim da conversa. Esse é um sinal de linguagem corporal importante que ajuda a construir um relacionamento. Para substituir o aperto de mão, encontre outras maneiras de cumprimentar a pessoa e demonstrar entusiasmo, como sorrir e fazer um aceno confiante, mantendo o contato visual.

6. Estabeleça uma relação de confiança

É importante estabelecer uma relação de confiança em um ambiente profissional porque assim você cria uma conexão com o entrevistador e se diferencia dos outros candidatos. Quando a entrevista é presencial, seu entusiasmo, linguagem corporal, aperto de mão e conversa casual no início ajudam a criar essa conexão com o entrevistador.

Quando você se comunica em um ambiente virtual, ainda é necessário encontrar maneiras de estabelecer uma relação de confiança. Você pode se preparar para conversar sobre um interesse em comum, perguntar como tem sido a experiência do entrevistador em entrevistas virtuais ou encontrar outro assunto neutro para saber mais sobre a pessoa.

7. Mantenha a autenticidade

Em entrevistas virtuais, você tem a oportunidade rara de conversar em um ambiente mais descontraído e familiar para mostrar ao entrevistador quem é você e por que é a pessoa mais indicada para a vaga. Os recrutadores observam sua maneira de se expressar para entender se você se adaptaria à empresa. Use ferramentas como linguagem corporal, expressões faciais e preparação para entrevistas para transmitir confiança e personalidade, de acordo com o cargo.

8. Acompanhe o processo

Após a entrevista, faça um planejamento para enviar um e-mail no momento certo. Uma prática recomendada é enviá-lo até 24 horas depois da entrevista para agradecer ao entrevistador e informar que você está disponível para responder a outras perguntas. Entre em contato com o representante de RH ou gerente de recrutamento com quem você conversou antes de obter uma lista de e-mails dos seus entrevistadores.